Cuspindo em Lutero

Martinho Lutero, o primeiro a promover o movimento conhecido como Reforma Protestante, procurou em todos os pontos de suas 95 Teses de 1517 e em seus escritos e ensinos uma mudança, de maneira CRÍTICA e SEVERA, dentro da Igreja Romana, e vendo que o diálogo não existia, o total desligamento da mesma e de todas as práticas de veneração à santos (traduzindo: idolatria disfarçada), exploração financeira e opulência, indulgências e relíquias, simonias e multiplicação de cargos, e toda e qualquer tentativa de alguém se auto-proclamar "vigário de Deus" e único representante autorizado no interpretar as Escrituras.

E nós? Nós estamos dando marcha à ré!


Idolatria à santos: Ao menos nisso os católicos, nos primórdios, faziam com uma certa coerência na escolha de quem venerar, pois em geral escolhiam pessoas que na Bíblia ou na história da igreja realmente foram pessoas puras e santas em Cristo Jesus (isso, claro, não justifica a veneração deles, pois Salmos 115 proíbe essa prática, bem como outras passagens das Escrituras). Já os protestantes atuais vivem numa paranoia causada por dois fenômenos: os super-televangelistas e os astros do movimento pseudo-gospel. Dos primeiros já falei numa postagem anterior aqui mesmo. Já quanto os astros "go$pel", só basta você dar um pulinho num "Festival Promessas" ou num "Canta Seiláonde" da vida e o que mais veremos é gritos como "fulano, cadê você? Eu vim aqui só pra te ver!" e similares, artistas caçando cachês exorbitantes e nego besta pra pagar esses mesmos cachês com a desculpa que é "para levar a Palavra de Deus", entre outras aberrações. E AI de quem critica viu... eu mesmo tou mais ferrado com essa turma que tenho até medo...

Um cantor já falecido, Keith Green, que fez parte do Jesus Moviment nos EUA, odiava que pessoas em suas apresentações tirassem fotos ou filmassem. Não por modismo de artista que não gosta por pura etiqueta social, mas por temer que pessoas o idolatrassem. Hoje em dia, uma foto autografada e até BONECOS DE PELÚCIA são comercializados por ai igual os tempos de Elvis Presley ou dos Beatles...

Exploração financeira e opulência: "OU DÁ OU DESCE!" Essa frase já seria o suficiente para entender qual é o negócio hoje em dia. Igrejas gigantescas, como o templo de "Salomão" da Universal ou a "Cidade do Centenário" da Assembleia de Deus; Teologia da Prosperidade comendo solta, ensinando soluções de problemas através de miraculosas campanhas de arrecadação, é por esse caminho que o Vaticano corria nos tempos de Lutero.

Indulgências e relíquias: Mais uma vez nisso a ICAR era QUASE melhor do que nossa atual realidade. Nos tempos deles, comprar indulgências e relíquias seria uma forma de pagar o tempo no Purgatório (e isso existe?) rumo ao céu. Johann Tetzel, o vendedor de indulgências nos tempos de Lutero, dizia na cara dura "ao tilintar de suas moedinhas, as almas de seus parentes saem do purgatório rumo ao céu". Noutras palavras, eles vendiam o céu (ou achavam que vendiam). Já nós? Nós voltamos ao feudalismo!

Pra quem faltou essa aula na escola, vai lá: o feudalismo era um sistema que existia predominantemente na Europa na maior parte da Idade Média e Moderna e em outros lugares de certo modo nesse ou em outros períodos. Nele, existiam os suseranos, donos de terras enormes, e os vassalos, que adquiriam com aqueles lotes dessas terras. Exatamente: Nós vendemos a terra. Cada um vai pegar seu lote, basta apenas participar da Fogueira Impura do Inferno ou pegar uma Rosa Mijada ou outro Esterco Ungido e você será rico, próspero, aqui mesmo na terra. A coisa é tão séria que até os convites para a igreja mudaram o foco por completo: ao invés de "venha conhecer aquele que te redime dos pecados e te conduz à salvação, Jesus", passou a ser "venha pra igreja para você ser abençoado, pro seu casamento ser restaurado, pra você conquistar todos seus sonhos, blá blá blá".

Simonias e multiplicação de cargos: Papa, cardeal, monsenhor, arcebispo, bispo, frei, padre, sacristão, madre, freira, irmã, bota ai mais um monte de outros cargos, e você terá o panorama dos tempos de Lutero. Cargos vendidos, as vezes para crianças (Leão X, papa de quando Lutero começou a reforma, recebeu o cargo de cardeal-diácono comprado pelo pai quando ele tinha APENAS 7 anos), multiplicados à exaustão para encher o Vaticano de grana.

Hoje em dia, talvez nem seja mais tanto grana (mas ela também está incluída), mas pelo status, dentro da igreja protestante o que mais se vê são pessoas DISPUTANDO cargos, as vezes até pecando para adquirir, conspirando, fofocando, tentando passar uma posição de bondade pros líderes deles (puxa-saquismo). Tudo para achar que é ALGO ou alguém, quando Jesus disse "O maior dentre vós será vosso servo." (Mateus 23:11). Mas nós invertemos a ordem do Senhor, ao considerar os cargos como forma de poder. E daí vem outra ousadia: a de criar cargos, a de criar títulos eclesiásticos. Já vi igreja que o líder se autodenomina "Apóstolo Professor Doutor PhD Pastor fulano de tal Bispo Primaz". Fora gente que se diz "apóstolo, apóstola, paipóstolo (esse nem no dicionário existe), patriarca". Um ai disse que daqui a pouco vai ter unção de ARCANJO logo logo... ai Deus... não sei como não criaram ainda os cargos de "Papa Gospel", "Semideus" e "Quarta Pessoa da Trindade"...

Infalibilidade de interpretação: A mais fatal de todas. As vezes até passa despercebida por muitos a mania de uns líderes de fazerem exatamente como o papa Pio IX em 1870 ao criar o dogma da Infalibilidade Papal, em que "o Papa em comunhão com o Sagrado Magistério, quando delibera e define (clarifica) solenemente algo em matéria de fé ou moral (os costumes), ex cathedra, está sempre correto. Isto porque, na clarificação solene e definitiva destas matérias, o Papa goza de assistência sobrenatural do Espírito Santo, que o preserva de todo o erro."

Basta ver Silas Malafaia, como um exemplo. Ele detesta que qualquer um tenha a ousadia de criticá-lo, considerando que os críticos não tem moral pra falar dele. Disse ele no programa de hoje, 17/08/13, que ele tinha mais de 30 anos de TV e NENHUM DE NÓS teria moral para criticá-lo, porque somos desconhecidos ralês que não possuem nem a metade do que ele já tem... pobre diabo... como se eu tivesse inveja de um cara que vendeu seus ensinamentos corretos em nome do dinheiro e é um tremendo IGNORANTE com tudo e todos que achou ruim porque não quiseram que ele fosse condecorado cidadão de uma cidade (humildade ZERO).

Outro bom (ou melhor, MAU) exemplo é Benny Hinn. Imagine que esse "pastor" tão querido por livros como "Bom Dia Espírito Santo" (cheio de mantras e heresias), foi capaz de LANÇAR UMA MALDIÇÃO contra quem o criticar. Parece brincadeira né... mas é disso pra pior... esses dois são apenas DOIS de MUITOS que sujam nossa igreja, e vivem hoje em dia numa maldita esquizofrenia cristã, tornando as ovelhas um povo perdido e sem direção correta do Senhor. Vergonha total, só isso.

Que Deus tenha misericórdia de todos nós e que paremos de cuspir em Lutero. Que voltemos a criticar todos os erros que outrora o líder da Reforma criticou dentro da Igreja Católica, sem temer represálias ou aqueles que venham tentar nos calar.

"O despertador toca... só desperta quem quer!"
- Pastor Zé Bruno, Igreja Casa da Rocha e Banda Resgate.

P.S.: Desculpo-me aos meus antigos leitores pelo tempo enorme de silêncio nesse blog, mas foi necessário, para que Deus reorganizasse minha vida em vários pontos, prometo que vou sempre que possível aparecer por aqui novamente. Graça e Paz da parte do Senhor Jesus Cristo!

2 comentários:

  1. Por mais que eu o elogie e veja a grandeza de seus textos, costumo ver as coisas sob a perspectiva da luz. A luz não modifica a ordem das coisas, talvez tudo esteja mesmo esta bagunça; mas, a luz revela o que está em trevas e traz à tona aquilo que não conhecemos. Silas, pobre, cego, nu, mas pregando a palavras. Não sabemos eu e você quem está atrás das telas, se é uma ovelha ferida precisando de pastor ou um lobo devorador. Não quero deixar como está, mas prefiro sempre modificar a mim mesma: mudar minha maneira de pensar. Aí, sim, verei que não sou melhor que um Valdomiro, que um R.R. Soares ou que um Benny Hinn... sou uma pessoa falha, quebrantada, desistimulada e castigada. Preciso de um evangelho que mude o mundo e salve um dia. Preciso de menos palavras e mais ação. Fica o abraço e o agradecimento....

  2. Obrigado pelas palavras, querida, penso exatamente como você =) Deus nos abençoe e nos ilumine de verdade!

Postar um comentário

Nós do "Destruindo a Mentira" no momento não temos política de moderação de comentários, entretanto pedimos aos leitores do blog que tenham o mínimo de bom senso. Caso sejam detectados comentários com pornofonias (palavrões), xingamentos sem sentido ou do tipo "não toqueis no meu ungido" ou "não julguem para não serem julgados" serão sumariamente excluídos e poderemos inclusive tentar entrar em contato com quem enviou o comentário, caso não seja um anônimo, para que ele tenha mais respeito.

Ah, se você é anônimo, não se garanta por isso, porque embora nós não possamos saber quem você é, DEUS SABE e Ele poderá julgar o que você está escrevendo, pois daremos conta de cada palavra que dissermos, boas ou más.

Por enquanto é só. Ah, por favor, faça-nos felizes e comentem!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores

Palavras da Verdade

2014 (1) Aborto (4) acepção de pessoas (2) adoração (7) adversidade (1) África (1) amizade (1) amor (15) amor de Deus (11) aniversário (1) ano novo (2) anorexia (1) ansiedade (4) anticristo (1) antropocentrismo (1) Apologética (9) Apologética - Ekklésia (2) Apologia (1) arado (1) Argumento Cosmológico (1) arte (1) artes marciais (1) árvore da vida (1) Assembléia de Deus (1) astrologia (1) ateismo (1) ateísmo (4) atitude (3) ato profético (2) auto-estima (2) banda (1) Banda Envoy (1) batalha espiritual (1) batalhas (1) Beijo (2) bençãos (1) Bíblia (10) bíblico (1) blasfêmia (4) blog (3) boatos (2) brasil (2) C. S. Lewis (1) caminho (2) capitalismo (1) Carnaval (3) Cartas (2) cartas de Paulo (1) casamento (6) casamento homossexual (1) cds (1) Céu (1) chavões (1) Ciência e Fé (1) citações (1) CMFreak (1) coisas da alma (1) Comportamento (5) Confiança em Deus (5) confiar (1) confissão (1) conflitos (2) conforto (1) conhecimento (1) consumismo (4) contenda (3) contexto (1) controle de Deus (5) convicção (1) cordeiro (1) corrupção (1) Cosmovisão (1) Cotidiano (13) crente raimundo (2) crer (1) Criação do mundo (1) crianças (5) crime (1) cristão (8) cristianismo (5) Cristo (6) critica (1) críticas (5) Crônicas Eclesiásticas (1) cruz (4) cultura (1) cura espiritual (1) Davi (1) decepção (1) declarações falsas (1) degradação dos lares (1) democracia (1) Denúncias - Falsas doutrinas (4) dependência de Deus (4) depressão (1) desabafo (2) desafios (1) Desciclopédia (1) desejos carnais (1) desperdício (1) desprezo (2) Destaque (1) Destaques (1) destinos (2) Destruíndo a mentira (4) desviados (1) Deus (16) Devocionais (2) devocional (1) Dia das Crianças (2) diabo (1) dicotomias (1) dinheiro (1) direito animal (1) discussões (1) distorção (1) divisão (3) divórcio (1) dízimo (1) dízimos (1) doutrinas (2) download (6) droga (1) Ebooks (7) Edir Macedo (3) egoísmo (1) Eleições 2010 (2) Eliel Vieira (2) elogios (1) erros (4) escarnecedor (1) escolhas (1) Espírito (1) espiritualidade (6) estilo musical (3) estudos (4) eternidade (1) eu (3) evangelho (13) Evangelicalismo (2) Evangelismo (7) Eventos (2) exegese (1) exéquias (1) Existência de Deus (1) experiências (1) Expiação (1) expressões idiotas (1) extremismo (1) falatório (1) falsa (1) falsos apóstolos (2) Falsos profetas (6) fama e fortuna (1) família (2) fanatismo (2) farisaísmo (9) (9) feiura (2) felicidade (1) feminismo (1) festa (2) Ficha Limpa (1) fidelidade (1) filhos (1) Filosofia (2) Fofoca (7) fogueira santa (1) fome (1) forever alone (4) frases (1) fundamentalismo (6) futuro (2) Garota Cristã (1) Genizah (5) glória apenas a DEUS (4) Gospel (18) graça (5) guerra (1) Hardcore cristão (1) hebraismo (1) hedonismo (2) Heresias (10) Hermes Fernandes (2) hino (1) Hipocrisia (3) Homem (3) Homossexualidade (3) homossexualismo (1) honestidade (1) honra (1) humor (10) idéias (1) Idolatria (3) Igreja (20) igreja adormecida (11) Igreja Batista Westboro (1) Igreja não-institucional (1) Igreja Universal (1) imagens (6) imoralidade (1) ímpio (1) Internet (1) interpretações (2) intervenção (1) Intimidade (2) ironia (2) Jesus (20) João Batista (1) jornada (1) José Wellington (1) jugo desigual (1) Juízo Final (1) justiça (2) juventude (1) le penseur (5) legalismo (1) lembranças (1) letras (32) liberdade religiosa (1) LIBRAS (1) Liderança. Missões (1) líderes evangélicos (3) links (1) liturgia (1) Livre Pensamento (1) lixo (3) Lobos (1) logos (1) loucura (1) louvor (4) louvorzão (1) lutas (2) luz (1) Macumba (1) mandinga (1) manifesto (2) manipuladores (1) Marco Feliciano (2) Marketing da Fé (1) Martin Luther King (1) masturbação (2) meditação (4) meditações (7) Melhor de Deus (1) memorando (5) meninas (1) mensagem (1) Mensagens (1) mentiras (2) mercantilismo (2) metal (9) mídia (2) milha (1) ministério (1) Ministérios Jovens (1) missionários (2) missões (7) missões urbanas (4) misticismo (1) Modas (1) momentos (1) moral (1) Morte por amor (1) Movimento Underground (6) mulher (1) mundanismo (2) mundo (1) musica (1) música (40) Música para crianças (1) música ruim (4) Música secular (4) namoro (5) Não Morda a Maçã (1) natal (1) natureza (2) Necessidades Espirituais (1) Negar a fé (2) neopentecostalismo (2) neutralidade (1) Nostradamus (1) notícias (2) nova era (1) Nova geração (1) obra de Deus (2) obrigação (1) ocidente (1) ódio (1) ofertas (1) óleo santo (2) Opinião (1) oração (3) orgulho (1) paciência (1) padrão de beleza (3) pagão (1) paixão (3) palavra (2) palavras (1) para pensar (1) parábolas (1) parcialidade (1) partidarismo (1) Pascoa (1) pastor (3) pastores ladrões (4) Paulo (1) paz (1) pecado (12) pedofilia (1) pensamentos (14) pentecostalismo (1) perfeito (1) perguntas (1) perversão sexual (3) pessoas (1) planeta (1) planos (1) pobreza (1) Podcast (1) poder de Deus (1) poema (1) Poeminhas (2) Poesia (10) politica (4) política (7) ponto eletrônico (1) Pornografia (3) portas abertas (1) práticas humanas (4) preconceito (4) pregação (2) prostituição (1) protesto (1) Provérbios (1) Púlpito (1) Púlpito Cristão (3) púlpito político (6) R.R. Soares (1) rapidinha (1) razão (1) realidade (1) rebelde (1) reflexão (24) reflexões (36) Rei (1) Reino (2) rejeição (1) relacionamento amoroso (3) Relacionamentos (4) religião (2) religiões (2) religiosidade (12) Renascer em Cristo (1) Renato Vargens (2) respeito (2) Resposta dos hereges (2) reviews (1) Ricardo Gondim (2) ritmo (1) rock (2) romanos (1) rosa ungida (1) sabedoria (3) sacrifício (3) Salmos (1) salvação (2) Samuel Câmara (1) Sandro Baggio (1) santidade (7) Santificação (3) Santo (1) Sarah Sheeva (1) satanismo (4) Satanologia da Prosperidade (19) saudade (1) Secular (1) segredos (1) sentimentos (6) ser completo (1) sexo (8) Shows (3) signos (1) Silas Malafaia (8) símbolos (1) sinais (2) soberania (2) Sociedade (4) sofrimento (2) solidão (1) solteiros (1) sonhos (1) Steve Jobs (1) stress (1) subversão (1) sujeira (2) talentos (1) televangelismo (1) tempo (1) Tempo pra Deus (1) teocracia (1) Teologia (3) Teologia da Prosperidade (15) teologia relacional (1) Teoria da Conspiração (2) terapia do amor (24) terrorismo (1) Testemunhos (2) texto fora de contexto (1) trabalho (3) tradução (3) traição (3) tribos urbanas (1) tribulação (1) Twitter (1) UFC (1) unção (1) V.E.R. (2) Valdomiro Santiago (1) valores (3) ventre (1) verdade (10) verdades (5) Vício (1) vida (6) vida cristã (10) vida sentimental (34) vidas (1) Vídeo (9) Vídeos (12) vingança (1) violencia (1) vitória (1) volta de Cristo (1) vontade de Deus (5) voto consciente (2) William Lane Craig (1)